Escrever sobre massagem é relaxante. Mas, massagem ayurvérdica, eu digo que ela tira o que de ruim prejudica o corpo. Nunca sugiro apenas uma sessão. A renovação é incrível e sacode você de novo para sua busca ou para sua luta diária (mas prefiro sempre falar busca).

Quando massoterapeutas conversam comigo, eu me derreto e procuro sempre um lugar para sentar, pois é muito gostoso se permitir confiar, ser tocada para deixar seu corpo ser trabalhado. Assim foi quando comecei a falar com Victor Hugo Lima, depois pedi para ele colaborar com a coluna e escrever sobre a nova técnica da Ayurvérdica que eu não conhecia.

Victor Hugo Lima: “Kosha Body é uma técnica de massoterapia desenvolvida por Ma Prem Zaki e inspirada nas raízes ayurvérdicas indianas. ‘Kosha’ quer dizer invólucro e ‘body’ quer dizer corpo. De acordo com as bases indianas, o corpo possui 3 mundos, o corpo físico, o mental e o espiritual (ou superior). Então a técnica Kosha Body de Massoterapia Avançada é uma terapia alternativa que leva em consideração as particularidades dos indivíduos e seus contextos físicos, psicoemocionais e espirituais para o atendimento. 

Os 5 Koshas

– Annamaya Kosha: ‘Anna’ quer dizer alimento e refere-se ao corpo físico e a todos os 5 elementos (terra, fogo, água, ar e éter) que constituem todas as pessoas. É o envoltório mais externo de todos.

– Pranamaya Kosha: ‘prana’ quer dizer ‘energia’ ou ‘força vital da existência’ e esse invólucro está diretamente ligado à nutrição (alimento, respiração, bons pensamentos, etc) e circulação de força vital de nosso corpo. 

– Manomaya Kosha: este invólucro é composto pela mente estímulo-resposta e instintos básicos que todos os humanos compartilham com os demais animais, sendo a parte da mente que oscila no dia a dia. ‘Mana’ quer dizer mente inferior, ou seja, a mente que reage a estímulos, inclusive nossos processos de pensamento habitual e nossas emoções. Representa as partes mais antigas do cérebro, incluindo o sistema nervoso autônomo que regula as funções essenciais, tais como ritmo cardíaco, a respiração e a resposta luta/fuga, bem como nossos estímulos básicos como fome, sede e sexo. 

– Vijnamaya Kosha: Este invólucro está ligado aos aspectos mais elevados da mente. É a percepção ou faculdade de sabedoria e discernimento da mente que decide sobre os meios hábeis de se agir, sendo a ponte para a consciência mais elevada. 

– Anandamaya Kosha: ‘ananda’ quer dizer ‘bem-aventuraça’, ‘felicidade’ e está ligado à sensação de perfeito estado de paz e satisfação quando estamos sintonizados com a unidade divina do todo.

A proposta da terapia ayurvédica é ser uma massagem que integra a mente, corpo e espírito, através de um intercâmbio dinâmico. Trabalha as cadeias musculares e articulações de todo o corpo, mesclando toques suaves e profundos, feitos com as mãos, antebraços e pés, com alongamentos e trações de Yoga. Proporciona relaxamento sem igual (apesar desse não ser o foco), estimulando a musculatura e a circulação sanguínea e linfática, bem como a eliminação das toxinas corporais.

Além disso, garante um maior autoconhecimentoharmonização dos chakrasprevenção de doenças e auxílio no tratamentodestas, realinhamento postural, mais vitalidadeliberação miofascialmelhora na mobilidade articulardesintoxicação do organismo, melhora na vitalidade da pele. A terapia corporal ayurvérdica promove o equilíbrio físico, mental e emocional, elevando o grau de consciência do paciente bem como sua postura diante dos desafios do dia a dia. Certamente, é uma massagem terapêutica que corrige o padrão corporal e emocional do paciente.

Essa terapia alternativa é indicada tanto para questões mentais como ansiedadedepressãosíndrome do pânicoInsôniastress, etc; como contextos físicos como dores no corpo (gerais, zika, chikunguya), tensõesbruxismoconstipaçãoalergias, etc com a vantagem de utilizar óleos essenciais para auxiliar no tratamento, evitando toda aquela química pesada de ansiolíticos e antidepressivos, por exemplo.

Toda a abordagem terapêutica leva em consideração o biotipo do indivíduo e como sua mente e corpo ‘dialogam’. De fato, essa personalização no olhar sobre o paciente garante benefícios mais intensos.

sessão de massoterapia Ayurvédica Kosha Body começa com uma anamnese quando é a primeira sessão da pessoa. A sessão é realizada em um colchão especialmente voltado para a prática, onde trabalhamos as couraças emocionais que todos desenvolvemos ao longo da vida. A liberação desse padrão viciado de emoção e pensamento é que eleva o estado vibracional do indivíduo. Após a massagem e a realização de algumas manobras e ásanas de yoga, o paciente medita alguns minutos deitado com uma toalha no rosto, sendo o momento em que começa a processar tudo que foi mexido bem como o relaxamento preponderante nessa fase final.

Sobre quem pode receber a massagem: 
Crianças, adultos e idosos podem receber a massagem ayurvédica kosha body. Os grupos de restrição são pacientes com câncer em atividade e grávidas (que podem receber a massagem mas precisam ter a abordagem totalmente adaptada).”

Finalizo o texto com a frase do poeta e pintor britânico William Blake (1757-1827): “O homem não tem um corpo separado da alma. Aquilo que chamamos de corpo é a parte da alma que se distingue pelos seus cinco sentidos.”

Fonte: Folhape

2 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *